sábado, 19 de fevereiro de 2011

O Teatro Mágico - Palavra


Tenho que escolher a mais bonita
Para poder dizer coisas do coração
Da letra e de quem lê
Toda palavra escrita, rabiscada
No joelho, guardanapo, chão
Ponto, pula linha, travessão
E a palavra vem
Pequena
Querendo se esconder no silêncio
Querendo se fazer de oração
Baixinha como a altura da intenção na insegurança
Vírgula, parênteses, exclamação
Ponto, pula linha, travessão
E a palavra vem
Vem sozinha
Que a minha frase invento pra te convencer
Vem sozinha
Se o texto é curto, aumento pra te convencer
Palavra
Simples como qualquer palavra
Que eu já não precise falar
Simples como qualquer palavra
Que de algum modo eu pude mostrar
Simples como qualquer palavra
Como qualquer palavra.
O Teatro Mágico - Palavra

3 comentários:

  1. ooi... eu vi vc numa comu do orkut sobre blogs... dizendo q retribui seguidores se alguem seguir seu blog

    entao... tow te seguindo

    o meu eh ....

    www.festanabahia.com/

    tow no aguardo da retribuição

    abraços... boa sorte com seu trabalho

    ResponderExcluir
  2. Essa música é tão bonita... Aliás, O Teatro Mágico tem cada música perfeita!

    ResponderExcluir
  3. Amo essa música! Parabéns pelo blog...Já estou seguindo...
    Fique a vontade tb para me visitar:
    http://saofatosdavida.blogspot.com.br/
    Beijooos

    ResponderExcluir